Saúde: O que é Transtorno Bipolar?

Na ultima semana foi discultido este assunto, pois nossa querida Lindsay sofre de Transtorno Bipolar e está sendo medicada para não ter mais crises.

Foto: divulgação

Refletindo um pouco a respeito do blog - e de seu nome - resolvi exclarecer o que é Transtorno Bipolar e porque eu brinco que sofro disso (na realidade, se não for TB, deve ser uma TPM lascada o mes todo).


Segue uma matéria retirada do M de Mulher:

Antigamente, ela era chamada de psicose maníaco-depressiva. Hoje, os médicos dizem apenas "transtorno bipolar". O humor de quem sofre desse mal se alterna entre dois polos: da euforia extrema à tristeza absoluta - daí vem esse nome.
Segundo a psicóloga MiriamThomé, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), o problema costuma surgir por volta dos 24 anos, mas também pode se manifestar em crianças e adolescentes.

A atriz Cássia Kiss, que é portadora, sabe o quanto é difícil conviver com parentes e amigos durante as crises. "Num dia eu estava péssima, maltratava as pessoas. No outro, queria consertar: mandava flores, pedia perdão", conta.

Felizmente, os tratamentos disponíveis são eficazes. Eles controlam as mudanças bruscas de comportamento e aliviam os sintomas. Se você desconfia que alguém próximo sofra de transtorno bipolar, verifique os sinais mais comuns, descritos abaixo.

Os principais sintomas:

Fase da euforia
. Alegria exagerada
. Agitação física e mental
. Sensação de ter poderes especiais
. Ideias grandiosas
. Aumento do desejo sexual
. Insônia



Fase da depressão
. Tristeza, irritabilidade
. Perda ou aumento de apetite
. Dificuldade de concentração
. Pensamento de morte ou suicídio




Origem
Tem causas genéticas, mas ainda pouco esclarecidas pela ciência. Em casos de estresse ou uso de drogas, aumentam os riscos de a doença se manifestar.

Diagnóstico 
Se você acha que alguém é bipolar, observe se a pessoa apresenta mais de três dos sintomas descritos ao lado. "Eles devem se repetir por, no mínimo, uma semana", diz a psicóloga. De acordo com Miriam, a doença deve ser avaliada por um psiquiatra. Esse profissional investigará todos os sintomas do paciente. "Não há nenhum exame físico ou laboratorial que auxilie o diagnóstico", afirma.

Tratamento
O psiquiatra pode receitar um antidepressivo para diminuir os sintomas impulsivos e as mudanças de humor. Medicamentos antipsicóticos são prescritos para aliviar a sensação de obsessão. O Sistema Único de Saúde (SUS) realiza gratuitamente o tratamento da doença. Basta procurar o posto de saúde mais próximo.

Apenas para finalizar, tenho sim todos esses tópicos de sintomas, portanto vou procurar meu médico, apesar de não afetar a vida de ninguém (acho que só do cachorro) é melhor procurar um especialista e resolver antes que eu saia dirigindo bebada...hehehe...brincadeirinha!!


9 comentários:

  1. Nossa, deve ser horrível viver com uma" TPM", que dura mais que uns dias por mês!!bjocas

    http:/batomnopastel.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. eei ! volteei aqui (:
    aah , ameei saber sobre a biopolaridade feminina , eu já vou colocar seu banner , eu só vou tentar criar um menuzinho lá em cima que nem o seu . (:
    beijoos

    ResponderExcluir
  3. Minha nossa, eu sempre ouvi falar nese doença!
    muito triste quem tem, e é dificil a pessoa se identificar se tem a doença!

    Ja ta o selinho la...*-*
    obg!

    e adorei sim aqui, ta lindo!
    bjbj, liih

    ResponderExcluir
  4. Acho que sou bipolar! Meu namorado sempre me disse isso, mas nunca achei que fosse serio! rsrsr

    Beijos
    Hellen

    ResponderExcluir
  5. Já peguei seu selinho até porque estou me tratando de Transtorno Bipolar, alternado com crises de depressão profundas.
    Já pensei até em fazer um blogocídio rsrsr mas esse ano realmente tá sendo meu 2012...
    Beijos e obrigada!

    ResponderExcluir
  6. Eu sou desde criancinha.. hehehe..
    É horrivel, as vezes choro, as vezes fico euforica, as vezes fico agressiva e tudo isso em menos de 1 hora! É muito tenso...

    :(

    ResponderExcluir
  7. Gostei de saber um pouco mais sobre o Transtorno Bipolar...Deve ser muito ruim lidar com isso...coitadinha da Lindsay!

    É bom ficarmos atentas, pode ser que eu tenha e nem saiba.

    ♥...Bjinhuuss...♥

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Olá querida leitora, obrigada por visitar nosso cantinho!!

Deixe aqui seu carinho...


"É Livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato.

© Bipolaridade Feminina | Layout por A Design